sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Coisas que não deveriam acontecer na vespera do Ano novo

o gás acabar....
ainda bem que o básico deu pra fazer ...kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Feliz Ano Novo

quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Lerê, lerê, lerê, lerê, lerê..Dia de faxina....de Novo

è minha gente não tem jeito tem coisa que não duram para sempre  e uma delas e a faxina que fazemos a uma semana....por isso que não gosto de férias sem dinheiro, deveria ser proibido tirar férias do trabalho sem ter dinheiro pra viajar....

quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

Como economizar no supermercado

Como economizar nas compras: conheça as armadilhas para seu bolso instaladas pelos supermercados e shoppings

Supermercados, shoppings e lojas de departamentos são projetados e construídos por especialistas em um conjunto de artes e ciências voltados a estimular o consumo.
Ao compreender alguns dos truques destes profissionais, você poderá fazer suas compras com maior eficiência, passando a consumir por seu próprio impulso, e não por manipulações externas. A lista abaixo foi compilada com o objetivo de dar condições ao consumidor para traçar suas estratégias de equilíbrio do orçamento doméstico, sabendo quais são as armadilhas deixadas em seu caminho por quem prefere que ele gaste tudo de uma vez.
Futuramente pretendo publicar um segundo artigo, complementar a este, apresentando algumas técnicas para lutar contra as artimanhas planejadas ao longo do último século para nos levar a consumir mais do que planejamos ao entrar na loja.
 
 
Ao terminar de ler a lista de hoje, você saberá que deve pensar duas vezes antes de optar por usar um carrinho de compras, que em determinados momentos o supermercado fará de tudo para que você olhe ao seu redor, e que em outros ele conta com a sua tendência de não olhar em volta do produto no qual fixou sua atenção.

8 armadilhas comuns em supermercados e shoppings
  1. O cliente não pode andar rápido! E jamais chegar rapidamente ao seu destino. Usualmente, você só coloca itens no seu carrinho se fizer uma breve parada, ou reduzir a velocidade. Por esta razão, a loja faz o possível para que você pare várias vezes ao longo do seu caminho, e tenha tempo de olhar as ofertas à sua volta. O supermercado já é desenhado tendo em vista este objetivo (bastam 2 clientes para criar um congestionamento em qualquer curva, e fazer todo mundo parar ou andar beeeeem devagar), e ainda há dezenas de truques catalogados, como os corredores de ovos de páscoa, atrações com forte apelo para crianças (um forte estímulo para famílias pararem), atrações para adultos, escadas rolantes internas, distribuição de amostras, cafezinho, etc. Seria fácil acabar com os congestionamentos nas escadas rolantes dos shoppings, mas a quem isso interessaria?
  2. Os itens que você compra com mais freqüência estão longe: geralmente no fundo ou na lateral da loja. Já os itens com maiores margens de lucro, que você compra por impulso ou em ocasiões especiais estão logo na entrada, e você tem que passar por vários deles até chegar à padaria, aos refrigerentes ou às frutas e verduras. E depois tem que passar por eles novamente na volta. Dupla chance para o impulso de compra acontecer!
  3. Os itens mais procurados estão sempre no meio do corredor: E a razão é simples: para chegar até eles, você terá que passar por um caminho maior, vendo todos os demais itens daquela seção. E a loja estará fazendo o possível para que o impulso de compra se manifeste neste caminho.
  4. Os preços e quantidades são escolhidos para dificultar as comparações: ou pelo menos sem a preocupação de facilitar a comparação. Muitas vezes a comparação intuitiva (sem de fato fazer a conta completa em sua mente) leva o consumidor a não perceber qual seria de fato a opção mais vantajosa para ele.
  5. Os itens mais comprados por impulso estão na fila do caixa: Todo consumidor passa longos minutos de tédio na fila para pagar, e a loja tenta garantir que ele tenha um bom suprimento de produtos pequenos e com alta margem de lucro ao seu redor: DVDs, revistas, chocolates selecionados (e sempre em embalagem individual), e até mesmo refrigerantes gelados, com forte apelo de consumo para quem passou uma hora arrastando um carrinho por uma área do tamanho de um estádio de futebol.
  6. Os produtos mais caros estão na altura dos seus olhos: Procure a prateleira das pastas de dente, ou a do sabão em pó, e compare. A marca ou tamanho com maior margem de retorno para o supermercado estarão na altura dos seus olhos. As opções econômicas tendem a estar no nível do chão, e estariam no subsolo se o lojista conseguisse dar um jeito.
  7. A ilusão do produto “classe A”: produtos com maior margem de lucro muitas vezes têm como seu diferencial apenas uma idéia ou conceito, no qual você é levado a acreditar apenas porque ele vem em uma embalagem diferente, ou porque é colocado em uma “área nobre”, ou – principalmente – devido aos comerciais dele na TV. Isso não significa que não existem produtos nobres, mas sempre pare para pensar se o diferencial é real ou apenas uma ilusão.
  8. O tamanho do carrinho: Lojas de departamentos e supermercados procuram oferecer carrinhos de compras espaçosos, para facilitar o surgimento da sensação de que ainda há muito espaço disponível, portanto você ainda pode pegar bem mais itens. Compare os carrinhos disponíveis em hipermercados que investem pesadamente em marketing, e o do mercadinho da sua rua: é bastante provável que o do hipermercado (onde há verba disponível) seja sempre novo, de 2 andares (o dobro da área que você percebe como vazia), mais largo que o usual. Quem tem verba de marketing e pesquisa a psicologia do consumidor sabe que vale a pena investir nesta sensação.
Fonte: http://www.efetividade.net/2007/05/17/como-economizar/




Todo apartamento deveria ter elevador.....

Acabei de chegar do mercado afinal hoje é o dia das frutas e verduras em conta minha gente,com o advento do Ano Novo o dia de hoje nos mercado que já é um caos transformou-se num inferno de dante.....gente pra todo lado menino incluindo o meu , mãe desesperadas chamando os benditos ....Não sei porque mas tenho impressão que todos os meninos de hoje chamam-se Miguel, caracoles e quando e escolhi o nome escutei um monte que era nome de velho ...ainda bem né? melhor do que escutar um monte  razumink( eu tive um aluno com este nome)ou outros com com LL, dois JJ ou dois qualqer coisa....
Enfim meu post não é sobre isso,e sobre o fato de que todo apartamento seja rico ou seja pobre..kkkkk,ter elevador, minha gente estou exaurida de carregar compras no braço o pior e ter que subir e descer váriasssssssssssss vezes para trazer as compras e ainda ter que controlar a farra do seu filho e da cadela subindoe  descendo escada  para não atrapalhar os vizinhos...

Boa tarde!!!

RÉVEILLON

Zeca Baleiro

 

A virada de ano tem grande efeito psicológico sobre os humanos, pois sugere renovação e recarga de bateria


O verbo francês réveiller significa “acordar”, “despertar”. A passagem de ano (não por acaso “Réveillon”) simboliza esse despertar – o fim de um ciclo e o início de um novo. Quando os romanos, baseados na astronomia, criaram o calendário tal como o conhecemos hoje, com a divisão do ano em 12 meses e 365 dias, talvez não tivessem isso em mente, mas é certo que a virada de ano –  a ideia de “reiniciar” a vida – tem grande efeito psicológico sobre os humanos, pois sugere renovação e recarga de bateria, imprescindíveis à aventura de viver. Não é à toa que tantas pessoas fazem, nesse momento de transição, novos planos e metas e estabelecem as tais “resoluções de Ano-Novo”, resoluções essas que quase nunca são levadas a cabo.

Há um poema de Drummond que é citado à exaustão nos fins de ano, em e-mails, cartas, cartões e festas de confraternização, que fala exatamente disso, de como é “estratégica” a passagem de ano. Diz o poeta: “Quem teve a ideia de cortar o tempo em fatias, a que se deu o nome de ano, foi um indivíduo genial.

Industrializou a esperança, fazendo-a funcionar no limite da exaustão.

Doze meses dão para qualquer ser humano se cansar e entregar os pontos”...
Poemas e canções sobre a data existem às dezenas. A mais clássica dentre as canções diz: “Adeus ano velho, feliz Ano Novo, que tudo se realize no ano que vai nascer, muito dinheiro no bolso, saúde pra dar e vender.” Bem, entusiasmos de dezembro à parte, eu diria que é impossível que num curto prazo de 12 meses, “tudo” se realize. Seria pedir demais ao destino. Já “dinheiro no bolso” e “saúde pra dar e vender”, pode-se dizer que são pedidos pra lá de legítimos e palpáveis.

Outro clássico de fim de ano são as previsões de pais-de-santo, videntes e bruxos em programas de tevê. Previsões óbvias ou vagas – “no próximo ano morrerá um político de vulto” ou “um artista muito famoso sofrerá um grave acidente” – fazem a delícia do povo. Confesso que eu próprio adoro ouvir essas profecias televisivas, na esperança vã de que algo realmente inusitado se revele ou por mera (talvez mórbida) curiosidade somente.

Nas praias brasileiras, a festa de Réveillon ganha ares de ritual pagão, com fogos, bebedeiras, ritos afro, promessas e mandingas. A festa de Copacabana, no início restrita aos praticantes de candomblé que se reuniam para celebrar a chegada do ano com preces e danças, com o tempo foi-se tornando mais e mais concorrida e hoje é quase uma instituição brasileira, chamariz para turistas do mundo inteiro em busca de diversão, loucura e beleza.

Taí um bom brinde para o novo ano. Desejo aos brasileiros diversão, loucura e beleza neste 2011 que ora se anuncia no horizonte, além dos itens básicos dinheiro e saúde, claro. Um pouco menos de pressa e dispersão e um pouco mais de gentileza e atenção não seria pedir demais, imagino eu. Portanto, bom desfrute, vida longa e próspera! Pra encerrar (ou recomeçar), um belo verso de outro poema do mesmo Drummond: “É dentro de você que o Ano Novo cochila e espera desde sempre.”

Tintim!

O que servir no Ano Novo?



Receitas para a Ceia de Ano Novo
 

.....Dona Con traz para você receitas com os ingredientes tradicionais da ceia de Reveillon, com uma vantagem - você vai ficar sabendo qual o significado de cada alimento.

.....Confira, faça sua escolha e tenha um FELIZ ANO NOVO!!!

 

Lentilha

.....Em várias regiões do mundo é esse o alimento que traz fortuna. Como as ervilhas, as lentilhas também evocam morte e renascimento, do grão enterrado na terra renascem múltiplos grãos.

 

Uva

.....Alimento nº 1 da ceia de ano-novo. Come-se 3 dando as costas para a lua, 12 dando pulinhos ou sobre um banquinho, 11 guardando as sementes, não importa! O importante é não faltar uva na ceia de reveillon, fruta que traz boa sorte para o ano inteiro!

 

Amor

.....Além de ser saudável e muito mais leve, o peixe na ceia de ano novo está vinculado à boa sorte e fecundidade. Quando se fala em peixe automaticamente se faz associação com a água, símbolo da vida, do nascimento. Em chinês, U, peixe, foneticamente tem o mesmo som da palavra "abundância", fazendo-se a analogia. Aqui no Brasil tropical, nada mais perfeito para a ceia de reveillon do que um bom peixe assado em folha de bananeira!

 

Saúde

.....A carne de porco é muito apreciada na ceia de reveillon, afinal o porco é um animal que fuça para a frente, sendo um bom estímulo para o novo ano. Já o frango, peru ou faisão acredita-se não ser uma boa pedida para a passagem do ano: todos os três ciscam para trás... 

 

Esperança

.....A romã, com sua enorme quantidade de sementes é símbolo de fartura e fertilidade. Os judeus, no Rosh Hashaná pedem a multiplicação das bênçãos divinas ao comer a romã. As sementes vão para debaixo do travesseiro para atrair "dinheirinha". Já no cristianismo, as sementes simbolizam esperança.


Fonte:  http://www.mulherdeclasse.com.br/receitas_para_a_ceia_de_ano_novo.htm


Passando para desejar


terça-feira, 28 de dezembro de 2010

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

Minhas Canecas

Sou apaixonada por canecas já tive muitas ,mas com a chegada do filho e das asssistentes  fiquei sem nada, agora estou retomando a minha coleção.....
                                           
Ganhei do  meu amore.... meu super namorido


ganhei do meu amore esse ano

fizemos na nossa viagem a Natal

Com meu filhote

amooooooooooooooooooooo demais essa cidade

Última semana do ano

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Ta chegando o Natal

Na correria para fazer o presente do namorado (sem dinheiro o jeito e apelar para a criatividade), como é segredo, tenho que preparar nos  momentos que o gato não está em casa....depois posto as fotos....

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Ainda dá tempo de comprar presentes

Você ainda não compro os presentes? ta com dúvida? Eu sempre tenho ,mas se tem uma coisa que quase todo mundo gosta é livro ,abaixo algumas sugestões, livros que já li, livros que pretendo ler,pode parecer meio estranha,mas posso garantir que são bons livros, o do Duda  Molinos e pra ver se aprendo pelo menos passar batom..rs.





















Meus favoritos